29/04/15

Parlamentares de Nampula visitam Guarulhos

Jose Luiz Município africano veio ao Brasil com o objetivo de trocar experiências sobre aprimoramento das técnicas legislativas e gestão municipal Município africano veio ao Brasil com o objetivo de trocar experiências sobre aprimoramento das técnicas legislativas e gestão municipal

O prefeito de Guarulhos (SP) e vice-presidente estadual (São Paulo) da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Sebastião Almeida, recebeu, nessa terça-feira (28), seis parlamentares de Nampula, cidade localizada no norte de Moçambique, na África. O grupo está em Guarulhos desde o início da semana com o objetivo de trocar experiências para aprimorar as técnicas legislativas e a gestão municipal na cidade africana.

A cooperação entre Guarulhos e Moçambique nasceu de um projeto da FNP, financiado pela União Europeia, que já trouxe ao município delegações de outras cidades do país africano, como Maputo, Dondo, Manhiça e Matola.

“Essa visita é muito importante, porque demonstra a boa vontade dos parlamentares de Nampula em conhecer novas experiências, além de suas fronteiras. E, mais do que nunca, reforça o compromisso de Guarulhos em estreitar as relações com cidades interessadas em compartilhar conhecimento em todas as áreas”, disse o prefeito Almeida.

A comitiva teve a oportunidade de conhecer praticamente todos os setores do Poder Legislativo guarulhense, inclusive de acompanhar uma Sessão Ordinária, na terça-feira. A visita se estenderá até quinta-feira (30), com troca de experiências sobre a gestão municipal, por meio de visitas às secretarias de Educação, Serviços Públicos, Saúde e a Proguaru. Outra sessão ordinária e a reunião da Comissão Permanente de Finanças, ambas na quinta-feira (30), também fazem parte da programação do grupo.

Segundo o presidente da Assembleia (uma espécie de Câmara de Vereadores de Nampula), Manoel Francisco Tocova, que liderou o grupo de parlamentares, a divisão administrativa de Moçambique é de 1997. Ele disse, ainda, que o país ainda tem uma série de questões a serem aprimoradas em sua democracia. “Nosso sistema legislativo é muito diferente do modelo existente aqui em Guarulhos. Sem dúvida alguma podemos aprimorar nosso processo legislativo utilizando como base os métodos praticados por aqui”, disse.

Tocova afirmou que a intenção do grupo é passar adiante todo conhecimento adquirido em Guarulhos. “Falar do Brasil é falar de um país irmão, uma espécie de irmão mais velho de todos os moçambicanos”, falou o parlamentar africano.

Além de Tocova, a delegação africana foi composta por Filomena Mutoropa, Maria Luísa Inácio Marroviça, Carlota André Lapucheque, Américo Júlio da Costa Iemenie e Tomé Moisés Ampasse.

Redator: Livia PalmieriEditor: Rodrigo EneasPrefeitura Municipal de Guarulhos e Câmara Municipal de Guarulhos
Mais nesta categoria: