15/04/15

Ferramenta para captação de recursos é apresentada durante EMDS

Para suprir a carência de recursos físicos e de pessoal enfrentado pela maioria das prefeituras brasileiras, a Rede de Negócios Sustentáveis (RNS) apresentou a plataforma Projetar, ferramenta on-line para captação de recursos públicos e privados que permite acesso fácil e rápido à solicitação e elaboração de projetos por meio de software.

Para divulgar a ferramenta, a RNS participou como expositora da Expo Cidades, durante o III Encontro dos Municípios Desenvolvimento Sustentável (EMDS).

A proposta da ferramenta é atender as demandas dos gestores públicos municipais na elaboração de projetos e aumentar a receita dos municípios, acompanhando, em tempo integral, desde a sua elaboração até a prestação de contas.

De acordo com a fundadora da RNS, Juliana Lacerda, a participação no III EMDS foi bastante positiva para apresentar aos gestores públicos um trabalho diferenciado e personalizado que a plataforma Projetar permite. “O grande diferencial da RNS é identificar recursos públicos e privados que poderão custear projetos, minimizando o impacto financeiro para os municípios beneficiados. Em 2014 pleiteamos mais de 70 milhões de reais em recursos públicos no estado de São Paulo, sendo que mais de 20 milhões de reais já foram aprovados; os demais recursos estão em análise, ao final, serão mais de 30 municípios beneficiados”, afirmou.

Lacerda destacou ainda que há muitos recursos públicos e privados disponíveis para financiamento de projetos, mas que passam por dois pontos limitadores, a falta de divulgação desses recursos e a carência de recursos físicos e de pessoal enfrentado pelas prefeituras.

Por meio da plataforma Projetar é possível identificar recursos, elaborar e cadastrar propostas e gerenciar até a celebração do convênio e repasse de recursos, por meio de projetos nas áreas de Educação Ambiental, Eficiência Energética, Infraestrutura, Lazer e Turismo, Meio Ambiente, Saneamento.

Para ter acesso a ferramenta é necessário adquirir uma licença de uso anual da plataforma.

Mais informações em www.rnsustentaveis.com.br

 

Redator: Ingrid FreitasEditor: Rodrigo Eneas
Mais nesta categoria: